Gestão de Ativos de Geração

A gestão da implantação de empreendimentos de geração de energia, seja ele de qualquer porte ou fonte primária, tem sua complexidade e particularidades em todas as suas fases, desde sua concepção até sua operação. Há uma visão equivocada, principalmente de investidores que não tem a experiência neste setor, de que, após a entrada em operação da planta, seus problemas terminam com a contratação dos serviços de uma boa empresa de O&M e uma estrutura administrativa-financeira.

A gestão do ativo de geração tem é mais ampla. Tem por objetivo empregar ferramentas de gestão para se atingir os resultados financeiros esperados pelos investidores a partir do monitoramento e mitigação dos riscos que possam interferir no desempenho final da planta de geração. Em linhas gerais a gestão engloba as seguintes atividades principais:

 

  • Levantamento e diagnóstico de riscos potenciais (engenharia, ambiental, regulatório, operacional)

  • Monitoramento do desempenho global da geração de energia

  • Monitoramento de índices de indisponibilidade de equipamentos

  • Monitoramento da qualidade dos serviços de manutenção (preditiva, preventiva e corretiva)

  • Monitoramento da qualidade da conexão com a concessionária para o cumprimento de parâmetros regulatórios

  • Gestão de contratos e cumprimento de obrigações ambientais e regulatória